Gurupá (PA), Quinta-Feira, 09 de Dezembro de 2021 - 01:04
14/09/2021 as 10:46:40 | Por Da: Redação |
Urina preta: Ananindeua anuncia auxílio para feirantes
Auxílio de R$ 2 mil será para feirantes que vendem pescado em Ananindeua.
Fotografo: Reprodução
Sem Legenda

Casos suspeitos de "doença da urina preta" no Pará, ascenderam um alertae impactaram negativamente na população e entre os consumidores. O resultado foi a queda nas vendas de peixes e crustáceos, prejudicando feirantes. 

Em Ananindeua, Região Metropolitana de Belém, o prefeitura anunciou que irá conceder um auxílio emergencial para os feirantes que vendem peixes e crustáceos. O valor será de R$ 2 mil, por dois meses - setembro e outubro.

O prefeito de Ananindeua, Daniel Santos, anunciou o encaminhamento para a Câmara Municipal, de um projeto de lei que permite o pagamento do auxílio. 

"A medida é urgente e busca ser uma alternativa para quem está sendo prejudicado com a queda nas vendas por conta da mudança de comportamento dos consumidores diante da desinformação em torno dos casos de “urina preta” É bom ressaltar que nenhum caso foi notificado em Ananindeua. Mas a desinformação tem tido reflexo negativo neste setor de mercado", ressalta Daniel. 

Belém tem caso suspeito da doença da "Urina Preta"

 

A orientação da Prefeitura de Ananindeua é que o feirante que comercializa peixes e crustáceos procurem a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (Sedec) para apresentar os documentos que comprovam o seu cadastro no exercício da profissão e a comercialização desse tipo de produto como principal fonte de renda.

A Sedc deve regulamentar a concessão do auxílio por meio de portaria publicada no Diário Oficial. 




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil